Algo chamado RIP SLYME se junta a Chay para lançar a bagunça obrigatória pós-verão maravilhosa no Asian Pop

Uma das glórias do verão asiático acabar é que sempre lançam uma bagunça WTF? contagiante entre os meses de outubro e novembro para tudo valer a pena e sua vida de fã de pop asiático voltar a não fazer nenhum sentido por você saber que aquela música é uma completa bomba, mas mesmo assim está lá amando. Tipo, ano passado tivemos a maravilhosa música das galinhas lá na China conquistando o fim do ano passado, e esse ano temos um concorrente japonês segurando os níveis do fim de ano por lá: RIP SLYME surgiu com a chay e lançou JUMP

Tudo bem que esse ano está complicado bater LADYBABY e seu metal kawaii que vale a pena você perder 4 minutos da sua preciosa vida para assistir, caso ainda não tenha visto:

Mas foi uma boa tentativa. E embora eu não faça a mínima ideia de qual seja a missão de RIP SLYME nesse mundo mesmo com eles indo para o 10º álbum de estúdio, chay é um dos meus amores de 2015 e acho que é melhor apostar em apresentar ela com essa Jump do que com algo dela mesmo. Mais pro fim do post eu explico o porquê, por enquanto vamos voltar a falar de JUMP.

Sem-Título-2

Hyuna – Red (Space Bunny Version)

Sabe quando você não consegue definir o que você está ouvindo e só fica pensando que o seu tiozão bêbado que sonha em ser músico faria um som parecido? É isso que penso com essa JUMP, e é por isso que é maravilhoso ouvir, porque é uma música que deixa o meu dia feliz por eles serem tão caras de pau em tentar fazer disso um viral com esse vídeo tosquíssimo deles pulando na Lua (??????) e despindo manequins vindo de outro planeta que em alguns momentos são manequins e em outros momentos são mulheres de verdade (FEMM did it first… and better), mas é óbvio que eles não deixam as mulheres de verdade peladas né.

Sem-Título-2

Claro que isso não impede de ter o tiozão tarado fazendo sacanagem gratuita no vídeo, btw

Eu estou in love por essa música e funciona comigo com ou sem o vídeo toscão. Algum dia vou experimentar ouvir isso bêbado para ver se essa música voa para outro nível ou nada disso, mas o mundo do J-pop está me fazendo adorar coisas que nunca imaginei amar algum dia, e eu estou adorando isso, podem mandar mais coisa tosca assim que estou aceitando.

PS: Quando falei que era melhor vocês conhecerem a chay nesse fast rhythm de JUMP, é porque a discografia dela é basicamente músicas que parecem tema de série dos anos 60, como esse atual single dela, “Sukide Sukide Sukisugite”.E isso é uma das coisas que evito apresentar para alguém de cara pois ninguém merece mostrar ela e falarem no quão Taylor Swift ela parece ser:

Quem gosta desse estilo, entretanto, vale a pena pesquisar e baixar Heart Couture, pois é basicamente um álbum de 13 músicas com a mesma sonoridade anos 60 e muito bem harmonizado, fazendo dele um álbum muito bom e agradável de ouvir mesmo com um tema tão específico.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s