J-music

Jin Akanishi, sempre me abençoando por sua existência, anuncia o novo álbum de estúdio “Blesséd”

Eu não sou muito de ligar pra homem asiático, especialmente na música onde a maioria nem vale a pena virar stan pois é muita bomba pra pouco oppa/senpai ali. Mas tudo muda quando eu falo de Jin Akanishi, pois que homem gostoso talentoso amores, que homem…

Resultado de imagem para Jin Akanishi Audio Fashion

Resultado de imagem para Jin Akanishi Leslie Kee

Resultado de imagem para Jin Akanishi Audio Fashion

Resultado de imagem para Jin Akanishi Shirtless

Calma aí, esse não é um post de apreciação ao meu senpai, eu vim dar notícias importantes: Jin Akanishi vai lançar o seu novo álbum de estúdio “Blessèd” no dia 12 de dezembro (a.k.a semana do meu aniversário, obrigado pelo presente mozão) em 4 edições. Capas e tracklist abaixo:

(mais…)

Anúncios

Koda Kumi comemora 35 aninhos. Chega na idade onde seus líquidos apodrecem.

Já foi ontem no Japão, mas como ainda estamos no dia 13 por aqui podemos comemorar o aniversário da princesa sexual japonesca Koda Kumi, não é? Parabéns Kodão, muitas felicidades, sexo, singles de verão e álbuns #1 vendendo 10 cópias na sua vida ❤

japan_s_pop_diva___koda_kumi_birthday_by_xenobia4-d5kw7ww.jpg

Kodão com seu bolo inspirado no último #1 de J-véia na Oricon Singles há uns 5 anos atrás

(mais…)

A sua vida não será mais a mesma depois da performance da nova farofa apocalíptica do Perfume

Já fazia um tempo que eu não ficava TÃO empolgado com Perfume, provavelmente por nenhum dos dois singles ter o impacto que as album tracks do Cosmic Explorer tiveram (Everyday bem que tentou), ou que até mesmo justificassem a ausência de um lançamento oficial para It’s My Winter. Mas isso acabou HOJE, pois as gatas se uniram a docomo e fizeram A performance de 2017:

(mais…)

Aprenda o conceito da Pirâmide de Maslow através dos novos PVs de Namie Amuro

Eu sei que está todo mundo aí nessa fase de ENEM e estudar e vestibulares e provas e dor e sofrimento e não estão tendo para acompanhar os troços que o K-pop vem desovando por aí (Eu não estou conseguindo). Mas pensando em vocês, jovens (pff falou a idosa aqui), vou dar uma forcinha para vocês estudarem para as provas do sociais (Mesmo que não adiante muito já que a prova de Ciências Humanas do ENEM foi no último domingo), explicando o conceito da teoria mais conhecida de Maslow com ajudinha da minha BFF de bingo Namie Amuro nos mostrando visualmente a teoria com seus últimos PVs.

Para quem não conhece, Maslow criou uma pirâmide com níveis de necessidade que o ser humano possui, determinando as condições necessárias para que cada ser humano atinja a sua satisfação pessoal e profissional. Esses níveis são:

1º NÍVEL: NECESSIDADES FISIOLÓGICAS

No 1º nível Namie está derrotada, com cara de desgosto e decepção ao ver que o trabalho não a permite suprir suas necessidades básicas para sobreviver dignamente como comer miojo sentada na poltrona, regular o intestino (O que justifica essa cara de quem não vai no banheiro a duas semanas) ou atualizar seu catálogo premium que ganhou de presente da Hulu. O resultado disso tudo é mostrado no PV de “Finally”, onde Namie está cansada de se submeter as exigências da Avex 24 horas por dia e quer dar um basta nisso tudo, representado pela luz na qual Namie caminha em direção, também chamado de FINAL DE CONTRATO.

2º NÍVEL: NECESSIDADES DE SEGURANÇA

Reparem na felicidade de Namie Amuro ao ver seu porto seguro Tetsuya Komuro entrando pela porta da Avex para gravar “Roda o fio now?”. Para quem não sabe, essa entidade aí de cima foi responsável pelos primeiros álbuns e, basicamente, o sucesso da 1ª fase da carreira de Namie (E de mais 300 artistas japoneses da década de 90), então ver o tio Komuro produzir pra ela depois de DEZESSEIS ANOS obviamente fez Namie se sentir segura novamente em desafinar pra valer, pois TK já não segue mais padrões e segue a mesma tendência de robotizar gatas desafinando como nos anos 90 mesmo. Portanto, menos esforço técnico para Namie. Sério, ela abrindo um sorriso mais largo que o da icônica foto de aposentadoria para esse álbum por saber que ela poderia sussurrar um engrish tenebroso que seria aceito por Komuro era tudo que precisava ver hoje.

O PV disso é basicamente alguém usando o pote de ganância para botar mais um vídeo no DVD mesmo, já que ele registra só o encontrinho de Namie e Komuro mesmo. E o pior é que nem material a porra desse encontro rendeu, então metade do vídeo se resume a Namie SENTADA, Komuro NO CARRO em direção a Avex e SLOW MOTION para preencher o tempo de vídeo. Mas como esse trabalho todo foi feito unicamente pela NOSTALGIA de Tetsuya largando um troço datadíssimo pra Namie, valeu pela ideia.

3º NÍVEL: NECESSIDADES SOCIAIS

O 3º nível trata as necessidades que o ser humano possui em socializar, então Namie mostra o quão importante é se enturmar com suas colegas de Orange is The New Black para realizar suas conquistas de dominar uma prisão comandada por crianças e trilhar o caminho da felicidade de Maslow. Eu não vou gongar muito por esse ser o melhor PV que Namie grava em anos e valorizar (e muito) a música, que agora é um pop bem gostoso e divertido de se escutar (Ainda mais em HQ). Além disso, passar pelos dois primeiros níveis fez muito bem para Namie, que já aparece sorrindo, feliz, empenhada em fazer a coreografia, seguindo o roteiro do PV que já não é mais ficar sentada fazendo carão…

4º NÍVEL: AUTOESTIMA

Namie já se sente segura, já tomou seu calcitran para suprir suas necessidades básicas e já arranjou umas migas para dançar junto com ela, então é hora de trabalhar o nível da autoestima. E com o PV de In Two Namie quis mostrar para você aí de casa que você arrasa e é espetacular de qualquer jeito, mesmo que o cabeleireiro tenha te sabotado no penteado e você só tenha uma brusinha meia bomba e uma bota qualquer. E se você não se sentir incrível é só botar um pedaço de cobre na cara para dar um tom mais conceitual e pronto, só sair e ser icônica você também.

Ah, e In Two é fácil a melhor música que Namie lançou desde o _genic (Mint-fãs talvez venham contestar mas é isso aí). A farofa icônica dela se quebrando em dois (A ideia que basicamente faz o PV inteiro) e o fator biased já deram um Top 10 para o top de fim de ano.

5º NÍVEL: AUTORREALIZAÇÃO

Com tudo isso Namie agora é uma diva, poderosa, feliz, empenhada, amada pelo povão e com bastante energia para caminhar e pular no palanque, ou seja, sente que está cumprindo o seu papel no mundo e está realizada com suas conquistas e feitos. Agora ela lidera multidões para dançar suas farofas e ela é a dona da porra toda como é mostrado no PV de Do It For Love. Parabéns Namie, menina mulher, esse momento é seu, FINALMENTE você está realizada pela aposentadoria no alto de seus 40 anos e das platinas japonesas que outras só sonham mesmo. CAN YOU CELEBRATE?

PS: O último dos 6 PVs inéditos do FINALLY foi para Christmas Wish. Eu ainda não conferi, mas se você está afim de ver a tentativa de Namie Amuro ter a sua All I Want For Christmas Is You e receber mais alguns milhões de yens abusando do Natal, segue o link aí:

PLAYLIST DO LEITOR – OUTUBRO/17

Depois de 2 meses, a Playlist do Leitor está de volta em sua edição de outubro. O tema do mês era de grupos mortos, zumbis ou que estão no bico do corvo. Peguei as sugestões, coloquei algumas recomendações minhas e temos aqui o resultado:

Tracklist.png

(mais…)

No aquecimento para o 1st full album, TWICE Jidai vai quebrando recordes femininos da onda hallyu com “One More Time”

Depois de perder todo santo recorde possível no YouTube para As If It’s Your Last do BLACKPINK, as lendas talentosas e cheirosas TWICE começaram a investir no mercado japonês e dando uma forcinha para ressuscitar a onda hallyu por lá. E depois de conseguir o 1º álbum feminino platinado de uma korean act no Japão desde o GIRLS & PEACE (E o álbum feminino mais vendido da onda hallyu por lá nos últimos 5 anos) com uma fucking coletânea de regravações, elas estão de volta com seu 1º single oficial japonês “One More Time”:

(mais…)

O novo álbum de covers do FEMM está sendo a prova de que não dá para EDMizar os anos 80

Como vocês devem estar sabendo, FEMM vai lançar um álbum de covers de clássicos japoneses dos anos 80 e 90 dia 25, daquele jeitinho FEMM de deixar as músicas parecendo EDMs retirados de um Summer Eletrohits da década passada. Hoje esse novo álbum rendeu um MV para Sabishii Nettaigyo, um sucesso de 1989 da dupla Wink:

(mais…)